OUÇA A RÁDIO

2020, eleições municipais em jogo – Parte I

No município da Serra, que historicamente sempre protagonizou eleições acirradas, novos nomes e tradicionais farão parte do cenário eleitoral nas próximas eleições

Redação Fatos & Notícias 

Texto: Haroldo Cordeiro Filho

Prefeitura da Serra (Foto: Divulgação/PMS)

Logo depois das eleições de outubro passado, iniciou-se a largada rumo às eleições de 2020 de possíveis candidatos a prefeito da capital e alguns municípios da Grande Vitória. Os partidos procuram esconder nas mangas seus cabeças de chave mas para quem sabe ler, um pingo é letra.
Em Cariacica a movimentação para a sucessão de Geraldo Luzia Júnior, o Juninho (PPS) as articulações giram em torno de pré-candidatos como o deputado Marcelo Santos (PDT); o ex-deputado estadual Sandro Locutor, e outros nomes como do subtenente Assis (PSL), na vibe de Bolsonaro.
Segundo maior colégio eleitoral do Estado, Vila Velha poderá ter, em 2020, o próprio Max Filho (PSDB), concorrendo à reeleição; Hudson Leal (PRB); Hércules Silveira (MDB) e Rafael Favatto (Patriotas) como potenciais candidatos.
Na capital, pré-candidatos como o delegado Lorenzo Pazolini (sem partido); os deputados estaduais, Fabrício Gandini (PPS) e Sérgio Majeski (PSB) não escondem o desejo de pleitear uma possível candidatura. Correndo em outra raia, de maneira consistente, está a vereadora Neuzinha de Oliveira (PSDB). “Com a experiência que adquiri no Legislativo Municipal, e conhecendo a realidade da população de Vitória, acredito que é hora de alçar novos voos, por isso, coloquei meu nome à disposição do partido para encabeçar a Chapa Majoritária nas eleições municipais de 2020. Por onde passo, tenho recebido apoio à candidatura, além do apoio total da Nacional do PSDB Mulher”, disse a vereadora.
No município da Serra, que historicamente sempre protagonizou eleições acirradas, novos nomes e tradicionais farão parte do cenário eleitoral nas próximas eleições. Os deputados estaduais Vandinho Leite (PSDB); Bruno Lamas (PSB), hoje à frente da Secretaria de Estado de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social; o deputado federal mais votado do Estado, Amaro Neto (PRB) e o deputado federal Sérgio Vidigal (PDT), que já esteve à frente do município por três mandatos, também acenam um possível pleito.
Para Enivaldo Dias, secretário-geral do PDT/Serra, é fato que a Serra perdeu muito. “Nos últimos anos foram criados projetos, ações e programas, mas que, hoje, simplesmente não existem. Posso citar alguns como exemplo, o Serra-Cidadã, Central de Ambulância e Motolância, Unidade de Videomonitoramento Móvel, entre outras. Pela condição geral do Brasil, precisamos de ações acertadas… um time que entre em campo jogando, não que aprenda jogar durante o jogo. Por isso é que precisamos de um líder que saiba o que tem que ser feito”, concluiu.
Semana que vem falarei sobre possíveis pré-candidatos dos municípios Fundão, Viana, Guarapari, João Neiva e Aracruz.
Até lá!

Haroldo Cordeiro Filho
Jornalista – DRT 003818/2018
Microempresário e Coordenador-geral da ONG Educar para Crescer
Estudante de Filosofia – Estácio de Sá de Vitória

Haroldo Cordeiro Filho

Haroldo Cordeiro Filho

Jornalista haroldojornalfatosenoticias .es@gmail.com
Luzimara Fernandes

Luzimara Fernandes

Jornalista redacaojornalfatosenoticias .es@gmail.com
Rafaela Rangel

Rafaela Rangel

Nutricionista CRN-ES 08100271-rafaelarangel. nutricionista@gmail.com
Jorge Pacheco

Jorge Pacheco

Advogado, Radialista e Jornalista redacaojornalfatosenoticias .es@gmail.com

Sobre nós

Nossa missão é informar de maneira isenta e independente e ser referência, no Estado, em conteúdo focado na responsabilidade social e ambiental.

Contatos

  • Vitória - ES - Brasil
  • (27) 3070-2951
  • jornalfatosenoticias.es@gmail.com

Clima

booked.net

© Copyright 2019 - 2021 - Jornal Fatos & Notícias.

Fabrício de Queiroz, motorista de Flávio Bolsonaro movimentou 1,2 milhão de reais. Muito suspeito, não?

Redação Fatos & Notícias