Tecnologia

CityAirbus NextGen: Airbus apresenta sua nova versão para um táxi voador elétrico

Em 2019, a gigante Airbus levou ao ar dois protótipos para um mesmo conceito: um táxi voador urbano e elétrico, inicialmente pilotado, mas eventualmente autônomo. O CityAirbus e o Vahana fizeram 242 testes totalizando 1000 km, até a empresa decidir unir os dois na nova fase, que deve ser a final: o CityAirbus NextGen.
Apesar do nome, o veículo é bem mais parecido com o Vahana. É, como esse, um avião VTOL, enquanto o CityAirbus original era um quadricóptero. Diferente do Vahana, no lugar de suas asas rotacionarem entre a decolagem e o voo horizontal, apenas os motores o fazem.
A ideia é entregar um veículo relativamente modesto, para uso em massa: o CityAirbus NextGen deve ter um alcance limitado a 80 km/h e velocidade máxima de 120 km/h. Pouco para um avião, mas ainda vence qualquer carro preso no trânsito fácil, fácil. O som também deve ser limitado a um máximo de 65 dB em voo cruzeiro e 70 dB ao decolar ou pousar. Isso é equivalente, respectivamente, ao som de uma conversa alta e de um aspirador de pó.

Um CityAirbus para 2023
“Estamos numa missão para cocriar um mercado inteiramente novo, que integre de forma sustentável a mobilidade aérea urbana nas cidades, ao mesmo tempo em que respeita as questões ambientais e sociais”, disse Bruno Even, CEO da Airbus Helicopters, a subsidiária responsável pelo projeto. “A Airbus está convencida de que os verdadeiros desafios são tanto sobre integração urbana, aceitação do público e gerenciamento automatizado de tráfego aéreo, quanto sobre tecnologia de veículos e modelos de negócios. Nós construímos todos os recursos para oferecer um serviço seguro, sustentável e totalmente integrado à sociedade”.
“O CityAirbus NextGen combina o melhor dos dois mundos com a nova arquitetura atingindo o equilíbrio certo entre pairar e voar para a frente. O protótipo está abrindo caminho para a certificação esperada por volta de 2025”, conclui. A ideia é que o NexGen comece testes de voo em 2023.

Fonte: Olhar Digital

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish