Bem-estar

Estudo mostra que caminhada alivia dor nas costas

Graças à esta atividade física, estudiosos apontam que os grupos musculares se fortalecem e estabilizam a coluna e os músculos do core

Por Helena Gomes

Sabe quando dá aquela dor nas costas e você interrompe todos os exercícios físicos? Talvez esta não seja a melhor atitude a se tomar. Estudos mostraram que fazer caminhadas podem te ajudar a se recuperar mais rápido. Quer saber mais? Leia a matéria com informações divulgadas pelo ‘The New York Times’.
A pesquisa, publicada na ‘Lancet’, chegou à conclusão que caminhar regularmente pode ajudar a prevenir dores na lombar. Para testar, os estudiosos dividiram adultos, que tinham presenciado episódios recentes da dor, em dois grupos. Um grupo que praticaria a atividade física com acompanhamento personalizado por um fisioterapeuta, e outro que não receberia tipo algum de intervenção. Ambos seriam acompanhados por um a três anos.

As pessoas que foram beneficiadas com os privilégios tinham que caminhar cinco vezes por semana por, pelo menos, 30 minutos. Além disso, elas também ganharam um programa de educação para que pudessem entender melhor sua dor e saberem o que fazer quando a sentissem. E, não importa se com ou sem dor nas costas, elas continuariam caminhando, porém, ajustariam a velocidade e a distância. Segundo o autor do estudo e professor de fisioterapia na Universidade Macquarie, Mark Hancock, a maioria tende a parar de se movimentar para proteger onde dói.

A educação mudou a maneira como eles pensavam sobre isso e os fez ser e permanecer mais ativos quando tinham alguma dor nas costas”, diz o especialista ao jornal norte-americano.

Apesar de a dor lombar possuir diversas causas, de acordo com o médico do Centro de Saúde da Coluna do Cleveland Clinic, Hamza Khalid, ter uma “base de suporte fraca” é a mais comum de todas. E, graças à caminhada, ele aponta que os grupos musculares se fortalecem e estabilizam a coluna e os músculos do core. Além disso, ressalta que “a fraqueza do core pode levar à fadiga, desalinhamento da coluna e dor”.

Se você já presenciou uma dor nas costas, mais especificamente na lombar, as chances de ter uma recorrência é grande. Isso porque, a pesquisa de Hancock mostrou que quase sete em cada 10 pessoas que se recuperaram tiveram uma recorrência no ano seguinte.

Fonte: Terra

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish