Geral

Índios da TI Comboios tomam ferrovia da Vale

Da redação Fatos & Notícias

Os índios tupiniquins da TI Comboios e aldeia Córrego do Ouro, em Aracruz, tomaram a ferrovia da Vale que corta comunidade em protesto contra a Fundação Renova e a mineradora por causa dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG) e que prejudicou toda a população do entorno do rio Doce.

(Foto: Divulgação/TI Comboios)

De acordo com as lideranças do movimento, as razões do protesto são o descaso da Fundação Renova, a falta de diálogo e de compromisso da instituição com a inclusão de novas famílias ao pagamento do auxílio financeiro emergencial (AFE) e pagamento de indenização por lucros cessantes, de direito dos povos indígenas pelo impacto pelo rompimento da Barragem de Fundão. A entrevista foi concedida pelo cacique e um dos líderes do movimento, Toninho Pyndoboçú, ao jornalista Haroldo Cordeiro Filho.

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish